Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




A fauna do futebol

por Os bloggers, em 31.01.16

Ontem, numa carruagem de Metro, cruzámo-nos com aquilo a que se pode chamar uma grande variedade de exemplares da fauna do futebol... Não chamamos fauna com tom pejurativo para com quem vai ao desporto rei, longe disso e até porque também gostamos de dar os nossos saltinhos ao estádio (e engrossar a fauna do futebol). Chamamos fauna do futebol pela variedade e diversidade de espécies encontradas.

 

Numa simples carruagem de Metro encontrámos, equipados a rigor, vários tipos de adeptos. Ora vejamos:

- Os pais e avôs de família, com a sua barriguinha, bem apresentados e com um cachecol bem posicionado.

- Os betinhos (também os havia).

- Os vestidos de Adidas da ponta dos pés à ponta dos cabelos... sapatilhas, fato de treino, cachecol, gorro... e quiçá meias e boxers...

- Os jovens de calças justas e que se vão transformando à medida que o Metro se aproxima do estádio... Colocam as luvas sem dedos, põem o carapuço e o cachecol do clube a tapar a cara.

- Os que vão com umas calças de outro clube da Segunda Circular e com uma camisola do Real Madrid, em direcção ao estádio que não é o do seu clube (ao avaliar pelas calças).

 

Manjerico.jpgDa série Os Amigos do Gaspar - Gaspar e Mangerico à janela

 

- E depois aquele que mais nos marcou... nunca tínhamos visto um assim... rastas à frente dos olhos... não fosse o posicionamento dos braços e os olhitos a quererem espreitar, seria difícil distinguir a nuca da face... Ao peito trazia uma mala da sua claque e as calças apertavam abaixo das nádegas... Queria ser mauzão e dar ar de mauzão, o discurso assim o indicava... Mas o conjunto apenas parecia uma anedota... Lembram-se do Manjerico da série os Amigos do Gaspar? Pois, tivesse ele o cabelo da cor do seu clube, ficaria a versão real do Manjerico!

 

E foi assim a nossa viagem de Metro!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:00

A celebrar o Ano Novo Chinês

por Os bloggers, em 30.01.16

Hoje estivemos a celebrar as festividades que precedem o início do Ano Novo Chinês. Foi em Lisboa, na freguesia de Arroios, mais propriamente no Largo do Intendente.

DSC00435.jpg

 

DSC00484.jpg

Foi quase por acaso e em cima da hora que descobrimos o evento... E lá fomos nós!

O Ano Novo Chinês calha numa data diferente em cada ano, representando uma importante festividade anual, celebrada pelos chineses em todo o mundo. O Ano Novo Chinês de 2016 começa a 8 de Fevereiro e entraremos assim no ano do Macaco, o animal mais auspicioso do zodíaco chinês.

DSC00438.jpg

No Largo do Intendente estava montado um pequeno palco e algumas barracas de associações e escolas chinesas. Assistimos a uma Dança do Leão e do Dragão, interpretado por atletas da Escola de Kung Fu Hong Long, com a colaboração de alunos da Escola Chinesa de Lisboa.

DSC00464.jpgDSC00461.jpgDSC00468.jpg

DSC00472.jpg

No final da actuação ocorreu uma pequena largada de lanternas chinesas, menos do que as esperadas, porque o vento não colaborou, impedindo que as lanternas subissem em segurança.

DSC00474.jpg

Era ainda possível provar algumas iguarias chinesas ou trazer para casa o nome escrito em chinês.

Foi um momento engraçado, culturalmente rico e vivido por chineses, portugueses e muitas outras nacionalidades, ou no fosse Arroios uma freguesia super internacional, com 79 nacionalidades em apenas 2,3 quilómetros quadrados.

 

 

Acompanhem-nos também no Facebook e no Instagram.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:30

Um jantar no Jardim da Luz

por Os bloggers, em 29.01.16

O Restaurante Jardim da Luz fica relativamente perto do nosso Palacete, no entanto só recentemente tivemos oportunidade de o conhecer.

 

Localiza-se em Carnide, junto ao Colégio Militar em pleno Jardim da Luz. O espaço pertence à Associação dos Antigos Alunos do Colégio Militar de Lisboa. Foi inaugurado em 2008 e as suas instalações aproveitam a antiga messe desse Colégio.

É um espaço bonito, misturando o estilo tradicional com o militar, sendo composto por várias salas, com abóbadas no tecto e arcos em granito. 

saladejantar1-892x480-g10.jpgSala de Jantar

 

JardimdaLuz-gb21.jpgBar

 

JardimdaLuzge1.jpgEsplanada

 

As salas são amplas e existem várias ementas de grupo, revelando-se perfeitas para jantares entre amigos ou mesmo de grupos profissionais. Para além disso o sítio é acessível e é relativamente fácil de estacionar (muito importante!).

 

As iguarias são várias, mas fiquem a saber que algumas das especialidades têm dia marcado (excepto à Segunda, que é dia de descanso), assim:

- Terça: Pernil de Porco No Forno com Puré de Batata

- Quarta: Tachinho de Novilho com Enchidinhos da Beira

- Quinta: Massada de Peixe e Cozido à Portuguesa

- Sexta: Arroz de Pato à Antiga

- Sábado: Pato Assado no Forno com Puré de Castanha

- Domingo: Cozido á Portuguesa e Cabrito Assado No Forno com Batata Assada e Esparregado

pratos1-892x480-g1.jpg

pratos1-892x480-g4.jpg

pratos1-892x480-g9.jpg

fish1-892x480-g6.jpg

 

Existem 5 menús de grupo à escolha, com preços entre os 17 e os 33,50 euros.

O nosso grupo escolheu o menú 4 (22 euros). O nosso menú incluíu aperitivo (Moscatel ou Martini), entradas (salgados e salada de polvo), Lombos de Bacalhau no Forno com Broa, Puré e Legumes Frescos do Dia e ainda Plumas de Porco Preto do Montado Alentejano. As bebidas variaram entre Vinho Tinto e Branco de Jarro, Sangria de Vinho, Cerveja, Água e Refrigerantes. No final pudemos escolher entre Salada de Frutas, Mousse, Bolo de Bolacha e Leite Creme Queimado, selado com um café.
Foi uma jantarada e pêras, as entradas e o bacalhau estavam muito saborosos, a carne mediana e as sobremesas bastante razoáveis (a fome também já não era muita, ou mesmo nenhuma!). 

 

Em suma, gostámos de conhecer o espaço e seguramente vamos voltar para uma jantarada de grupo, com velhos amigos e conhecidos. A simpatia (pouca / qb) dos funcionários (pelo menos do que nos calhou) foi a única coisa a apontar, mas não conseguiu diminuir o entusiasmo e a qualidade bastante satisfatória da refeição.

 

Acompanhem-nos também no Facebook e no Instagram.

 

Todas as fotos foram retiradas do website oficial do restaurante.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:00

Aproveitámos um dos últimos fins de semana chuvosos e visitámos o velhinho, mas sempre vivo e dinâmico, Aquário Vasco da Gama.

Há imenso tempo que o tencionávamos revisitar visto que já não o fazíamos desde a infância.

DSC09804.jpg

Ambos tinhamos na memória a lula gigante, as otárias e os múltiplos aquários.

DSC09740.jpg

DSC09779.jpg

 

Chegou a altura de avivar a memória e voltar a entrar no mundo dos oceanos através deste Aquário, com um espólio muito rico.

O Aquário Vasco da Gama localiza-se em Algés, muito perto do Tejo, e é tutelado pela Marinha Portuguesa desde 1901.

 

O Aquário Vasco da Gama divide-se em dois sectores:

 

- Museu: onde se pode apreciar um vasto património histórico e científico, através da exposição de uma grande variedade de animais marinhos conservados em meio líquido e naturalizados, bem como réplicas em fibra de vidro e resinas sintéticas. Para além disso está patente a Colecção Oceanográfica do Rei D. Carlos I, Rei de Portugal e imperador dos oceanos, um verdadeiro cientista dos mares.

DSC09733.jpg

 

DSC09734.jpg

 

- Aquário: é possível observar variadíssimos aquários, com uma fauna e flora muito ricas, onde é recriado o ambiente natural de diversos recantos dos oceanos (galeria dos invertebrados, fauna tropical de água doce, fauna tropical de água salgada, fauna marinha portuguesa...). Um cenário delicioso, com vaidosos peixes de múltiplas cores e feitios! Para além disso pudemos observar uma imponente tartaruga no Tanque das Tartarugas e uma otária no Tanque das Otárias, sem nos esquecermos da Lula Gigante que figurava no topo da nossa memória do Aquário.

DSC09760.jpg

DSC09741.jpg

DSC09755.jpg

DSC09758.jpg

DSC09774.jpg

DSC09781.jpg

DSC09794.jpg

DSC09788.jpg

DSC09790.jpg

 

O valor da entrada é de 5 euros para adultos e de 2,5 euros para menores de 15 anos e maiores de 65 anos. Até aos 3 anos a visita é gratuita.

Não deixem de visitar o Aquário Vasco da Gama, garantimos que são 1 a 2 horas bem passadas para miúdos e graúdos, numa visita onde se alia a ciência à diversão.

DSC09806.jpg

 Acompanhem-nos também no Facebook e no Instagram.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:15

Dia do Bolo de Chocolate... Nhami!

por Os bloggers, em 27.01.16

Atenção, atenção, hoje é um dia super importante, o Dia do Bolo de Chocolate!

Nós somos acérrimos fãs de Bolo de Chocolate (principalmente a XX), por isso não podiamos deixar de o assinalar neste nosso cantinho.

Contudo a XX hoje ainda não tocou em bolo de chocolate (a resistir ferozmente, embora ainda faltem umas horas para acabar o dia), enquanto o XY atacou uma mega fatia de Bolo de Mousse de Chocolate (guloso!).

Choc_Cake_Day.jpg

Em jeito de comemoração aqui deixamos:

- A receita de um bolo de chocolate fácil e delicioso (aqui)

- O melhor brownie de chocolate do mundo (aqui)

 

Bom apetite!

 

Acompanhem-nos também no Facebook e no Instagram.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:29

Nova aventura vegetariana

por Os bloggers, em 26.01.16

"Água mole em pedra dura, tanto dá até que fura"...

E assim começa este post, tinha de começar assim... O XY cá do Palacete recusava-se a entrar num restaurante vegetariano. Entrou e até gostou (espreitem aqui)... E surpresa: acabou por aceitar uma segunda experiência vegetarina! Yupi!

 

IMG_20151107_203206.jpg

 

Desta vez fomos ao Restaurante Terra, o famoso vegetariano do Príncipe Real e um dos mais afamados de Lisboa, várias vezes premiado em concursos gastronómicos. Há séculos que a parte feminina cá da casa queria experimentar este spot, mas foi sempre adiando pela dificuldade em arrastar o XY.

 

Mas o XY foi arrastado e... e... mais uma vez gostou das iguarias vegetarianas!

O Terra fica muito perto do Jardim do Príncipe Real, num prédio com cerca de 2 séculos. É um espaço simpático e com um jardim exterior muito agradável, dispondo assim de 3 salas - Sala do Buda Azul, Sala das Gravuras Japonesas e Sala do Jardim. Agora é Inverno, mas o Jardim é de facto muito apelativo. A decoração é tradicional, com elementos de todo o Mundo.

 

IMG_20151107_231740.jpg

IMG-20160125-WA0001.jpg

 

 

As iguarias são apresentadas em regime de buffet... Perfeito! A escolha é vasta e os pratos têm um aspecto apetitoso, capaz de agradar ao mais anti-vegetariano dos anti-vegetarianos (tipo o XY).

 

IMG_20151107_232043.jpg

IMG-20160125-WA0004.jpg

IMG-20160125-WA0002.jpg

 

Adorámos tudo (o XY também)... TUDO... Das saladas, às pizzas, passando pelas massas, croquetes de soja, feijoada de batata doce, caril, até aos cogumelos à Bulhão Pato, estava tudo divinal! Para sobremesa deliciámo-nos com uma fantástico Crumble da Avó. 

Para bebida escolhemos um dos sumos naturais do dia, que naquele dia era de acerola.

 

IMG_20151107_210622.jpg

 

A maioria  dos pratos não contém qualquer produto de origem animal, satisfazendo plenamente a filosofia Vegan.

A refeição fica a cerca de 20 euros por pessoa.

Gostámos mesmo muito da experiência e atestamos de que não é nada em vão que o Terra é por muitos considerado o  melhor vegetariano de Lisboa.

 

Acompanhem-nos também no Facebook e no Instagram.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:20

Habemus Presidente!

por Os bloggers, em 24.01.16

O país está em mudança...

O dia de amanhã não é por si só mais rico do que o de ontem, mas será diferente. A batuta da Presidência da República está entregue a outro mestre, outra face, novos ares.

elections.jpg

As mudanças são essenciais ao crescimento e evolução. Portugal precisa de crescer, emancipar-se, navegar como noutros tempos... Navegar para longe da crise.

Fosse qual fosse o caminho a escolher entre os 10 possíveis, impunha-se um novo rumo.

 

Mais uma vez houve um candidato oculto a ter um grande destaque, chama-se "ABSTENÇÃO"... Teima em aparecer em todas as eleições e a roubar metade dos votos... Mas porquê? Somos todos portugueses, somos todos Portugal, povo que adora lamuriar-se, mas quando deve verdadeiramente opinar foge lamentavelmente das urnas... Porquê? Nós somos Portugal, a responsabilidade é de todos...

Bem, moralismos absentistas à parte, amanhã abre-se um novo capítulo na Presidência da República de Portugal!

 

Acompanhem-nos também no Facebook e no Instagram.

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:28

Cores quentes do Inverno

por Os bloggers, em 21.01.16

O Inverno também tem o seu charme.

Enquanto a XX trabalhava, o XY foi fazer o gosto ao dedo, disparou uns cliques e captou a essência das cores quentes do Inverno.

DSC00388.jpg

Ora digam lá se o Inverno também não tem uma magia especial?

 

Local: Algés

Data: 17-01-2015

 

Acompanhem-nos também no Facebook e no Instagram.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:45

A Terra gira, o Mundo não pára...

por Os bloggers, em 20.01.16

Devia ser proibido trabalhar à noite... e ao Domingo... e ao Sábado...

Ai... Suspiro! Estes são os desabafos da XX cá do Palacete!

Claro que tem de se trabalhar à noite e aos fins-de-semana... A Terra gira, o Mundo não pára...

 

Trabalho_Noite.jpg

 

Hospitais, segurança, transportes, fábricas, empresas, recolha de lixos, imprensa, padarias, pesca... Há um infindável número de profissionais que asseguram que tudo se processe a tempo e horas...

 

Não há hora para estar doente, não há hora para nascer, não há hora para ter uma apendicite, não há hora para garantir a segurança (toda a hora é hora!)... Temos de estar a qualquer hora noutro lugar e queremos transportes a jeito, ou um táxi, ou a Uber... E não somos só nós que temos de ser transportados, há muitos bem essenciais a transportar... De manhã queremos pão quentinho e ao almoço peixe fresco! As notícias também se querem frescas pela manhã e o lixo do dia anterior já rumou para outras paragens.

 

O mundo não pode parar... Mas por vezes custa fazer parte desta máquina que não pára... Suspiro! Suspiro da XX com muito sono, numa semana que ainda vai a meio e que conta já com a privação de duas noites de sono, após um Domingo que também não existiu...

Mas a Terra gira e o Mundo não pára!...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:30

Lisboa da outra margem

por Os bloggers, em 19.01.16

A semana começou fria, com bastante chuva e as previsões para os próximos dias não são muito melhores, mas no passado sábado, a chuva deu tréguas e permitiu-nos sair da "toca" para aproveitar o dia fantástico que esteve!

E sempre que o tempo permite o que é que fazemos? Descobrir ou revisitar locais fantásticos do nosso belo país, claro!

Será que adivinham o destino pela foto? Esta é fácil!

DSC00357.jpg

É isso mesmo, desta vez o destino foi Almada, mais concretamente o Santuário Nacional de Cristo Rei.

O Cristo Rei foi inaugurado a 17 de Maio de 1959 e diz-se que é o melhor miradouro para admirar Lisboa do outro lado do rio, nós concordamos!

 

Assim que chegamos é impossível não ficarmos deslumbrados com a imponência da estrutra com os seus 110m de altura e a vontade de subir para desfrutar da vista é muita. Mas começamos pelo miradouro que já nos deixa fascinados com a vista para Lisboa, tivemos a sorte do dia estar com um céu azul fantástico e limpo que permitia uma vista até à Serra de Sintra e ao Palácio da Pena. No miradouro encontramos também 14 estações da Via-Sacra de Jesus, cada uma com um texto do Evangelho, uma meditação e uma oração.

DSC00348.jpg

DSC00320.jpg

DSC00327.jpg

 

DSC00338.jpg

 

Após esta paragem no miradouro, é altura de rumar ao interior do Santuário, fazemos uma breve visita à exposição, ao Santuário e subimos finalmente ao topo da estrutura. Se a vista lá em baixo já era fantástica mas "apenas" para Lisboa, aqui podemos desfrutar de uma vista fantástica de 360º! No topo, além da Serra de Sintra, a vista estende-se à Baía do Seixal, à Serra da Arrábida, ao Castelo de Palmela, ao Mar da Palha e à Base Naval do Alfeite.

DSC00350.jpgBase Naval do Alfeite

DSC00332.jpgPadrão dos Descobrimentos

DSC00335.jpgTorre de Belém e Algés

DSC00324.jpgPorto de Lisboa 

DSC00355.jpgMar da Palha

DSC00345.jpg

 

DSC00330.jpg

Se ainda não conhecem, aconselhamos a visita, Lisboa é ainda mais bela vista da margem Sul do Tejo e podem aproveitar para explorar outros cantinhos da Margem Sul, como a Serra da Arrábida, o Cabo Espichel ou as praias.

 

Informações:

Inverno – todos os dias: 9h30 às 18h15 (hora da última subida 18h00)

Verão – todos os dias: 9h30 às 19h00 (hora da última subida 18h45)

Preço: 4€

 

 Acompanhem-nos também no Facebook e no Instagram.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:52

Pág. 1/3



Mais sobre mim

foto do autor


Sigam-nos


O melhor blog do mundo


Instagram




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D




subscrever feeds


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.